Por que os bordados de Entremontes atraem tantos turistas?

alt="entremontes"

Se está planejando seu passeio por Piranhas ou Canindé de São Francisco, senta aí que lá vem novidade: hoje, vamos falar dos famosíssimos bordados de Entremontes, o vilarejo conhecido por receber a visita de Dom Pedro II na sua viagem à cachoeira de Paulo Afonso!

E o motivo para conhecer o pequeno distrito vai além de bordados e histórias do imperador, já que é impossível não ser cativado pelo carisma e aconchego dessa vila, mesmo que em uma rápida parada de 30 minutos no trajeto da Rota do Cangaço.

Então sem mais delongas, vamos descobrir um pouco mais sobre o passeio e, é claro, os icônicos bordados de Entremontes. Dá só uma olhada:

Por que conhecer os bordados de Entremontes e como aproveitar a vila?

Não importa para onde você olhe, a visão é de um verdadeiro cenário de cordel, onde todas as gerações de mulheres se reúnem frente aos casarios coloridos para tecer os famosos bordados de Entremontes.

E olha que legal: aqui é utilizada uma técnica muito antiga chamada “boa noite”, que, segundo os especialistas, nunca foi registrada em nenhum outro lugar do mundo, transmitida localmente por gerações e gerações, de mãe para filha!

alt='entremontes"
Casa dos Bordados de Entremontes – Foto: repodução

Por esse motivo, idosas, mulheres e até mesmo menininhas estão à frente desse ofício digno de aplausos, de onde vêm as maravilhosas cortinas, toalhas de mesa e jogos americanos que preenchem o interior das casas: sempre de portas abertas para os expectadores.

A verdade é que desde a construção da Usina Hidrelétrica de Xingó em 1994, os bordados de Entremontes assumiram bravamente o protagonismo da economia local, uma vez que a oscilação no nível da água e o alagamento das áreas de desova inviabilizaram a pesca.

E digo mais: em meio a esse contexto de incertezas, a criação da Cia de Bordados de Entremontes pelas próprias bordadeiras foi fundamental para aumentar as vendas, inclusive contando com a ajuda da rede Artesol e do Sebrae. Não é mesmo inspirador??

Para além dos bordados de Entremontes, um Universo de histórias!

Agora que você descobriu um pouco mais sobre os bordados de Entremontes, vamos te contar o que muitos não falam sobre o amigável vilarejo, que – por incrível que pareça! – já recebeu algumas das mais icônicas figuras da história brasileira:

A começar pela visita de Dom Pedro II ao atual sobrado de Erasmo Nunes Lisboa, que até hoje recebe visitas e ainda pode ser encontrado entre os relatos de viagem do monarca, como esse aqui:

“Chegamos ao Armazém ou Entremontes às 3h30; jantamos aí na casa de um Anacleto Brandão, cuja família é quase tudo nesta povoação, sendo um dos filhos o capelão, outro o médico, e outro oficial da Guarda Nacional”.

O motivo para o nome “Armazéns” é que o local já recebia navios mercantes há mais de 150 anos, mas a antiga alcunha acabou não sobrevivendo ao atual nome do distrito, dado pelo próprio Dom Pedro em homenagem aos morros que cercam a vila.

Entretanto, o também icônico Rei do Cangaço não foi tão recebido assim, já que encontrou as casas vazias enquanto os moradores se escondiam na mata, e cá para nós: a fúria foi tão grande que ele acabou ateando fogo em algumas partes de Entremontes!

Bem… se isso já foi o suficiente para te deixar de olhos arregalados, você não perde por esperar as outras histórias que as redendeiras e os pescadores têm para te dizer, e já adianto: é cada uma mais fantástica que a outra!!

Agora você entendeu o que torna os bordados de Entremontes tão especiais?

Então não deixe de fazer uma visita para entrar em contato com essa vila que encanta os turistas com o seu charme, carisma e acolhimento. Vale à pena conhecer!!

Picture of Conheça Piranhas

Conheça Piranhas

Deixe Piranhas conhecer você!

Compartilhe nas mídias:
Facebook
Email
WhatsApp

Menu

Abrir bate-papo
Bem-vindo à Conheça Piranhas! 🚤🌅

Pronto para uma experiência incrível? Fale com a gente no WhatsApp e planeje seu passeio! 📲